>TJ/SP: Lei de Jundiaí sobre serviço de motoboys é julgada inconstitucional

Posted: Abril 18, 2011 in - Notícias, Direito Constitucional

>        O Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo julgou procedente, em sessão realizada no último dia 2, a Ação Direta de Inconstitucionalidade da Lei nº 7.061, de 9 de junho de 2008, do Município de Jundiaí, no interior paulista.
        A norma impugnada proíbe as empresas e estabelecimentos que mantêm ou utilizam os serviços de entrega rápida (motoboys) de fixar tempo mínimo para a realização de entregas, em contrapartida de oferta de brindes e recompensas.
        De acordo com o parecer da Procuradoria-Geral de Justiça, “a lei em questão não dispõe sobre Direito do Trabalho. Não há relação de trabalho, mas mera prestação de serviços, entre as empresas que contratam o serviço de entrega rápida. Por isso, insubsistente toda a argumentação do autor da ação, o prefeito municipal de Jundiaí”.
        Em março do ano passado, o relator da ADIN, desembargador Mathias Coltro, já havia deferido liminar suspendendo a vigência e a eficácia da lei até o julgamento final da ação.

        Processo nº 0004597-66.2010.8.26.0000

        Assessoria de Imprensa TJSP – AS (texto)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s